Publicado em 30 de dezembro de 2007, no Jornal da Paraíba

1 – “Ratatouille”, de Brad Bird

“Além da técnica estar anos -luz à frente dos concorrentes, a direção de Brad Bird é perfeita na comédia, no drama e nas cenas de ação”.

2 – “Cartas de Iwo Jima”, de Clint Eastwood

“A história de um grupo de soldados á espera de uma batalha que sabem não poder vencer é mostrada com melancolia e dignidade pelo diretor”.

3 – “A Rainha”, de Stephen Frears

“Helen Mirren foi unanimidade absoluta por sua interpretação de uma Elizabeth II perdendo a conexão com seus súditos”.

4 – “O Ultimato Bourne”, de Paul Greengrass

“Em última instância, o filme (…) merece todo o reconhecimento por provar que um filme de ação não precisa abdicar da inteligência para ser sensacional”.

5 – “Piaf – Um Hino ao Amor”, de Olivier Dahan

“A história impressionante de Edith Piaf é impressa em cores épicas e manipulada na ordem dos acontecimentos para causar ainda mais impacto no espectador”.

6 – “Diamante de Sangue”, de Edward Zwick

“É ao mesmo tempo excelente c0mo filme de ação, drama e como denúncia social”.

7 – “Saneamento Básico, o Filme”, de Jorge Furtado

“Jorge Furtado brincou com o tema dos editais públicos para discutir, no fim das contas, a importância que produzir cultura tem para nossas vidas”.

8 – “Não por Acaso”, de Philippe Barcinski

“Encontrou saídas originais e simples para mostrar os solavancos emocionais na vida de três pessoas obcecadas por controle”.

9 – “Filhos da Esperança”, de Alfonso Arau

“Os planos-seqüências orquestrados (…) são desconcertantes e dão requinte à ficção científica”.

10 – “Zodíaco”, de David Fincher

“O filme não desencantou aqueles que esperavam mais que respostas fáceis no final”.

***

165 filmes. Nunca tantos filmes passaram nos cinemas de João Pessoa. 24 deles eram nacionais, também um recorde dos últimos anos. A variedade certamente se deve ao direcionamento que o MAG adotou para se diferenciar do Box, buscando mais filmes off-Hollywood. Ratatouille foi a segunda animação a ficar em primeiro, e acho que ninguém vai contestar isso.

Melhores do ano: 2006

Anúncios