É isso mesmo, os 10 mais esdrúxulos de 2013. Eu simplesmente tinha me esquecido de fazer a lista esse ano. Mas não vamos deixar passar, né? Em termos de títulos muito absurdos, aqui nos cinemas paraibanos, até que as distribuidoras economizaram este ano. Em compensação, a falta de criatividade reinou como nunca antes. Parece que combinaram: vamos todo mundo “esquecer” que houve outro filme com esse título…

01 - Fogo contra Fogo 01 - Fogo contra Fogo-03

1. Fogo contra Fogo – Ok, o original é Fire with Fire e a PlayArte traduziu literalmente. Mas, gente, tem aquele filme do Michael Mann com Al Pacino e Robert DeNiro! Não seria o caso de ter uma identidade própria e evitar comparações?

02 - Os Suspeitos 02 - Os Suspeitos-02

2. Os Suspeitos – Aqui a falta de imaginação é dupla. O título original é Prisoners e ainda há o grande filme de Bryan Singer de 1995… Dava pra fazer melhor, Paris Filmes.

03 - Odeio o Dia dos Namorados 03 - Odeio o Dia dos Namorados-02

3. Odeio o Dia dos Namorados – Este veículo para Heloísa Périssé não se incomodou de chupar o título brasileiro (tradução literal do original) desta comédia de Nia Vardalos que nem faz tanto tempo assim: é de 2009. A distribuição foi da Buena Vista.

Poster 2 DeadFall.indd 04 - A Fuga-02

4. A Fuga – A tradução genérica da PlayArte para Deadfall ignorou solenemente o filme de ação com Alec Baldwin e Kim Basinger, de 1994, famoso na época pelas cenas de sexo entre os dois, que eram casados.

Poster Cinema 1a Bullet To The Head.indd 05 - Alvo Duplo-02

5. Alvo Duplo – O título repete o de um dos filmes que marcaram a entrada do diretor John Woo no mercado brasileiro (o “1” na capa fuleira do DVD da Cinemax é porque o filme teve duas continuações; o original é de 1986). O curioso é que o original do filme de Stallone é Bullet on the Head, que também é o título de um filme de John Woo, Bala na Cabeça (1990). Vale apontar também a casquinha marota que a Warner tira de Os Mercenários no slogan.

06 - Anos Incriveis Anos Incriveis

6. Anos Incríveis – Muita gente certamente se perguntou se o seriado com as aventuras de Kevin Arnold, Winnie Cooper e cia. tinha virado filme. Mas era só a Europa Filmes que tinha batizado com o título nacional da série The Wonder Years o filme francês… Tele Gaucho.

Poster 1c 2 GUNS.indd 07 - Dose Dupla-02

7. Dose Dupla – Este é certamente um dos títulos mais sem criatividade da história. Você pode escolher que companhia quer: Assalto em Dose Dupla (2011), Confusão em Dose Dupla (1994), Destino em Dose Dupla (1990), Casamento em Dose Dupla (2007), Dragões em Dose Dupla (1992)… Mas, claro, teria que existir um filme chamado Dose Dupla no Brasil: a desconhecida comédia anglo-hispânica Seeing Double. Ok, esse é tão desconhecido que nem conta, mas dava pra fazer melhor, Imagem Filmes.

08 - Truque de Mestre 08 - Truque de Mestre-02

8. Truque de Mestre – Não há nenhum outro filme chamado Truque de Mestre no Brasil. Mas precisa, Paris Filmes? Tem um clássico chamado Golpe de Mestre!

09 - Meu Namorado E um Zumbi 09 - Meu Namorado E um Zumbi-02

9. Meu Namorado É um Zumbi – E a noiva dele é uma extraterrestre? Essa foi a escolha da Paris Fimes para rebatizar Warm Bodies.

09 - O Resgate 09 - O Resgate-02

10. O Resgate– Ok, é um filme de ação com o Nicolas Cage, então quem está ligando? Mas, gente, teve um filme com esse título em 2011! Ontem! Pesquisa mais, California Filmes!

Os títulos mais esdrúxulos de 2012 <<

— MAIS RETROSPECTIVA 2013

– Eleição Melhores do Ano
Meus melhores do ano
As musas de 2013
50 filmes não exibidos nos cinemas de JP em 2013

Anúncios