You are currently browsing the tag archive for the ‘Ava Gardner’ tag.

01-cyd-charisse

1 – CYD CHARISSE, por Cantando na Chuva

Posteriormente em Musas retroativas: 2ª em 1953, por A Roda da Fortuna; 6ª em 1954, por A Lenda dos Beijos Perdidos; 5ª em 1955, por Dançando nas Nuvens; 20ª em 1956, por Viva Las Vegas; 1ª em 1957, por Meias de Seda; 5ª em 1958, por A Bela do Bas-Fond.

Cyd Charisse não diz uma palavra em Cantando na Chuva. Vinha de papéis pequenos e muitas vezes com aparições apenas como dançarina anônima. Aqui, é o sonho de Gene Kelly na fantasia “Broadway melody ballet”, praticamente um curta-metragem dentro do filme, todo contado em canto e dança. Cyd é a mulher fatal de pernas descomunais que desperta a paixão do dançarino iniciante e que vai rencontrá-lo quando ele for famoso. Apesar de Debbie Reynolds e Jean Hagen, o impacto de Cyd na tela é difícil de esquecer ou superar. Não à toa, virou estrela da Metro a partir daqui, passando a estrelar alguns grandes musicais. O top 5 tem outras musas no começo do estrelato: Grace Kelly, a esposa (que não aceita violência) do xerife em Matar ou Morrere Marilyn Monroe em cinco (!) filmes, incluindo a secretária já com seu tipo de inocente sedutora em A Invenção da Mocidade. E, mais abaixo, Brigitte Bardot e Liz Taylor. Única aparição: Jean Hagen, Zsa Zsa Gabor, Debbie Reynolds, Claire Bloom. Brasileiras na lista: nenhuma.

02-grace-kelly

2 – GRACE KELLY, por Matar ou Morrer

Posteriormente em Musas retroativas: 8ª em 1953, por Mogambo; 1ª em 1954, por Janela Indiscreta, por Disque M para Matar, por Amar É Sofrer e por Tentação Verde; 2ª em 1955, por Ladrão de Casaca; 2ª em 1956, por Alta Sociedade e por O Cisne.

assim-estava-escrito-17

3 – LANA TURNER, por Assim Estava Escrito

Posteriormente em Musas retroativas: 14ª em 1954, por Atraiçoado; 8ª em 1955, por O Filho Pródigo e por Mares Violentos; 18ª em 1957, por A Caldeira do Diabo; 15ª em 1959, por Imitação da Vida.

04-marilyn-monroe-a 04-marilyn-monroe-b EXTRAIT DU FILM "LE DEMON S'EVEILLE LA NUIT" 04-marilyn-monroe-d 04-marilyn-monroe-e

4 – MARILYN MONROE, por O Inventor da Mocidade, por Almas Desesperadas, por Só a Mulher Peca, por Travessuras de Casados e por Páginas da Vida

Posteriormente em Musas retroativas: 3ª em 1953, por Os Homens Preferem as Louras, por Torrentes de Paixão e por Como Agarrar um Milionário; 3ª em 1954, por O Mundo da Fantasia e por O Rio das Almas Perdidas; 1ª em 1955, por O Pecado Mora ao Lado; 4ª em 1956, por Nunca Fui Santa; 3ª em 1957, por O Príncipe e a Corista; 2ª em 1959, por Quanto Mais Quente Melhor; 11ª em 1960, por Adorável Pecadora; 2ª em 1961, por Os Desajustados; 1ª em 1962, por Something’s Got to Give.

05-maureen-ohara

5 – MAUREEN O’HARA, por Depois do Vendaval

Posteriormente em Musas retroativas: 16ª em 1955, por A Paixão de uma Vida.

Gina Lollobrigida in Christian-Jaque'sÊFANFAN LA TULIPEÊ(1952).

6 – GINA LOLLOBRIGIDA, por Fanfan la Tulipe

Posteriormente em Musas retroativas: 8ª em 1953, por Pão, Amor e Fantasia e por O Diabo Riu por Último; 8ª em 1959, por Salomão e a Rainha de Sabá; 9ª em 1961, por Quando Setembro Vier; 14ª em 1971, por A Quadrilha da Fronteira.

Ava Gardner

7 – AVA GARDNER, por As Neves do Kilimanjaro

Posteriormente em Musas retroativas: 6ª em 1953, por Mogambo; 10ª em 1954, por A Condessa Descalça; 16ª em 1957, por E Agora Brilha o Sol; 11ª em 1958, por A Maja Desnuda.

Eleanor Parker

8 – ELEANOR PARKER, por Scaramouche

Posteriormente em Musas retroativas: 20ª em 1954, por A Selva Nua e por O Vale dos Reis; 15ª em 1956, por O Homem do Braço de Ouro.

Jean Hagen

9 – JEAN HAGEN, por Cantando na Chuva

Zsa Zsa Gabor

10 – ZSA ZSA GABOR, por Moulin Rouge

Ingrid Bergman

11 – INGRID BERGMAN, por Europa 51

Posteriormente em Musas retroativas: 7ª em 1954, por Romance na Itália; 10ª em 1956, por Anastácia, a Princesa Esquecida; 17ª em 1958, por Indiscreta e por A Morada da Sexta Felicidade; 15ª em 1969, por Flor de Cacto.

Debbie Reynolds

12 – DEBBIE REYNOLDS, por Cantando na Chuva

Rita Hayworth

13 – RITA HAYWORTH, por Uma Viúva em Trinidad

Posteriormente em Musas retroativas: 10ª em 1953, por Salomé e por A Mulher de Satã.

Jean Peters

14 – JEAN PETERS, por Viva Zapata

Posteriormente em Musas retroativas: 14ª em 1953, por Anjo do Mal.

Brigitte Bardot In 'Girl In The Bikini'

15 – BRIGITTE BARDOT, por Manina

Posteriormente em Musas retroativas: 1ª em 1956, por E Deus Criou a Mulher; 3ª em 1958, por Amar É Minha Profissão e por Vingança de Mulher; 5ª em 1960, por A Verdade; 2ª em 1963, por O Desprezo; 6ª em 1965, por Viva Maria!; 11ª em 1968, por Shalako.

Gloria Grahame Gloria Grahame - O Maior Espetáculo da Terra

16 – GLORIA GRAHAME, por Assim Estava Escrito e por O Maior Espetáculo da Terra

Posteriormente em Musas retroativas: 15ª em 1953, por Os Corruptos.

Janet Leigh

17 – JANET LEIGH, por Scaramouche

Posteriormente em Musas retroativas: 11ª em 1953, por O Preço de um Homem, por Que Delícia o Amor e por Houdini, o Homem Miraculoso; 6ª em 1958, por A Marca da Maldade; 11ª em 1960, por Psicose.

Elizabeth Taylor

18 – ELIZABETH TAYLOR, por Ivanhoé, o Vingador do Rei

Posteriormente em Musas retroativas: 4ª em 1954, por No Caminho dos Elefantes e por A Última Vez que Vi Paris; 3ª em 1956, por Assim Caminha a Humanidade; 1ª em 1958, por Gata em Teto de Zinco Quente; 1ª em 1959, por De Repente, no Último Verão; 2ª em 1960, por Disque Butterfield 8; 3ª em 1963, por Cleópatra; 15ª em 1965, por Adeus às Ilusões; 18ª em 1970, por Jogo de Paixões.

Marlene Dietrich

19 – MARLENE DIETRICH, por O Diabo Feito Mulher

Posteriormente em Musas retroativas: 17ª em 1957, por Testemunha de Acusação.

Claire Bloom

20 – CLAIRE BLOOM, por Luzes da Ribalta


LEIA MAIS:

Musas de 1951 <<
>> Musas de 1953

Anúncios

Audrey Hepburn em "A Princesa e o Plebeu"

1 – AUDREY HEPBURN, por A Princesa e o Plebeu

Posteriormente em Musas retroativas: 2ª em 1954, por Sabrina; 7ª em 1956, por Guerra e Paz; 2ª em 1957, por Cinderela em Paris e por Amor na Tarde; 10ª em 1959, por Uma Cruz à Beira do Abismo e por A Flor que Não Morreu; 12ª em 1960, por O Passado Não Perdoa; 1ª em 1961, por Bonequinha de Luxo e por Infâmia; 7ª em 1963, por Charada; 9ª em 1964, por My Fair Lady e por Quando Paris Alucina; 3ª, em 1966, por Como Roubar um Milhão de Dólares; 8ª em 1967, por Um Caminho para Dois e por Um Clarão nas Trevas; 16ª em 1976, por Robin e Marian

A aparição impactante e encantadora de Audrey Hepburn para o mundo em A Princesa e o Plebeu garantiu o Oscar daquele ano e o alto do pódio na nossa lista. Sua princesa que tira um dia de folga em Roma, corta o cabelo, vive aventuras e se apaixona é inesquecível. Uma estreia como poucas. O que enobrece a vitória é o pódio completado por uma Cyd Charisse impressionante com suas pernas intermináveis em A Roda da Fortuna e Marilyn Monroe triplamente no ano em que virou uma estrela – com destaque para a cena icônica em que, tão sinuosa quanto engraçada, canta as qualidades dos diamantes. E olha que o ano ainda teve Deborah Kerr no beijo mais famoso do cinema, Ava Gardner, Grace Kelly, Rita Hayworth… Primeira aparição: Audrey Hepburn, Harrie Andersson, Deborah Kerr, Jean Simmons, Alida Valli, Lauren Bacall, Jennifer Jones. Última aparição: Gloria Grahame, Jean Peters, Rita Hayworth, Única aparição: Donna Reed, Jane Russell, Setsuko Hara, Gene Tierney. Brasileiras na lista: nenhuma.

Cyd Charisse em "A Roda da Fortuna"

2 – CYD CHARISSE, por A Roda da Fortuna

Anteriormente em Musas retroativas1ª em 1952, por Cantando na ChuvaPosteriormente em Musas retroativas: 6ª em 1954, por A Lenda dos Beijos Perdidos; 5ª em 1955, por Dançando nas Nuvens; 20ª em 1956, por Viva Las Vegas; 1ª em 1957, por Meias de Seda; 5ª em 1958, por A Bela do Bas-Fond.

Marilyn Monroe em "Os Homens Preferem as Louras" Marilyn Monroe em "Torrentes de Paixão" Marilyn Monroe em "Como Agarrar um Milionário"

3 – MARILYN MONROE, por Os Homens Preferem as Louras, por Torrentes de Paixão e por Como Agarrar um Milionário

Anteriormente em Musas retroativas: 4ª em 1952, por O Inventor da Mocidade, por Almas Desesperadas, por Só a Mulher Peca, por Travessuras de Maridos e por Páginas da Vida. Posteriormente em Musas retroativas: 3ª em 1954, por O Mundo da Fantasia e por O Rio das Almas Perdidas; 1ª em 1955, por O Pecado Mora ao Lado; 4ª em 1956, por Nunca Fui Santa; 3ª em 1957, por O Príncipe e a Corista; 2ª em 1959, por Quanto Mais Quente Melhor; 11ª em 1960, por Adorável Pecadora; 2ª em 1961, por Os Desajustados; 1ª em 1962, por Something’s Got to Give.

Harriet Andersson em "Mônica e o Desejo" Harriet Andersson em "Noites de Circo"

4 – HARRIET ANDERSSON, por Mônica e o Desejo e por Noites de Circo

Posteriormente em Musas retroativas: 10ª em 1961, por Através do Espelho.

Deborah Kerr em "A um Passo da Eternidade"

5 – DEBORAH KERR, por A um Passo da Eternidade

Posteriormente em Musas retroativas: 15ª em 1955, por Pelo Amor de Meu Amor; 18ª em 1956, por O Rei e Eu e por Chá e Simpatia; 10ª em 1957, por Tarde Demais para Esquecer e por O Céu É Testemunha; 17ª em 1959, por Crepúsculo Vermelho.

Ava Gardner em "Mogambo"

6 – AVA GARDNER, por Mogambo

Anteriormente em Musas retroativas5ª em 1952, por As Neves do KilimanjaroPosteriormente em Musas retroativas: 10ª em 1954, por A Condessa Descalça; 16ª em 1957, por E Agora Brilha o Sol; 11ª em 1958, por A Maja Desnuda.

Donna Reed em "A um Passo da Eternidade"

7 – DONNA REED, por A um Passo da Eternidade

Grace Kelly em "Mogambo"

8 – GRACE KELLY, por Mogambo

Anteriormente em Musas retroativas: 2ª em 1952, por Matar ou Morrer. Posteriormente em Musas retroativas: 2ª em 1952, por Matar ou Morrer; 1ª em 1954, por Janela Indiscreta, por Disque M para Matar, por Amar É Sofrer e por Tentação Verde; 2ª em 1955, por Ladrão de Casaca; 2ª em 1956, por Alta Sociedade e por O Cisne.

Gina Lollobrigida em "Pão, Amor e Fantasia" Gina Lollobrigida em "O Diabo Riu por Último"

9 – GINA LOLLOBRIGIDA, por Pão, Amor e Fantasia e por O Diabo Riu por Último

Anteriormente em Musas retroativas: 6ª em 1952, por Fanfan la TulipePosteriormente em Musas retroativas: 8ª em 1959, por Salomão e a Rainha de Sabá; 9ª em 1961, por Quando Setembro Vier; 14ª em 1971, por A Quadrilha da Fronteira.

Rita Hayworth em "Salomé" Rita Hayworth em "A Mulher de Satã"

10 – RITA HAYWORTH, por Salomé e por A Mulher de Satã

Anteriormente em Musas retroativas: 13ª em 1952, por Uma Viúva em Trinidad.

Janet Leigh (O Preço de um Homem) janet Leigh em "Que Delícia o Amor" Janet Leigh em "Houdini, o Homem Miraculoso"

11 – JANET LEIGH, por O Preço de um HomemQue Delícia o Amor e por Houdini, o Homem Miraculoso

Anteriormente em Musas retroativas17ª em 1952, por ScaramouchePosteriormente em Musas retroativas: 6ª em 1958, por A Marca da Maldade; 11ª em 1960, por Psicose.

Jean Simmons em "O Manto Sagrado" Jean Simmons em "Papai Não Quer" Jean Simmons em "A Rainha virgem"

12 – JEAN SIMMONS, por O Manto Sagrado, por Papai Não Quer e por A Rainha Virgem

Posteriormente em Musas retroativas: 15ª em 1954, por Desirée, o Amor de Napoleão; 8ª em 1958, por Da Terra Nascem os Homens;  7ª em 1960, por Spartacus e por Entre Deus e o Pecado.

Marilyn Monroe e Jane Russell em "Os Homens Preferem as Louras"  Jane Russell em "Um Romance em Paris"

13 – JANE RUSSELL, por Os Homens Preferem as Louras e por Um Romance em Paris

Jean Peters em "Anjo do Mal"

14 – JEAN PETERS, por Anjo do Mal

Anteriormente em Musas retroativas: 14ª em 1952, por Viva Zapata.

Gloria Grahame em "Os Corruptos"

15 – GLORIA GRAHAME, por Os Corruptos

Anteriormente em Musas retroativas: 16ª em 1952, por Assim Estava Escrito e por O Maior Espetáculo da Terra.

Alida Valli em "Nós, as Mulheres"

16 – ALIDA VALLI, por Nós, as Mulheres

Posteriormente em Musas retroativas: 8ª em 1954, por Sedução da Carne.

Setsuko Hara em "Era uma Vez em Tóquio"

17 – SETSUKO HARA, por Era uma Vez em Tóquio

Lauren Bacall em "Como Agarrar um Milionário"

18 – LAUREN BACALL, por Como Agarrar um Milionário

Posteriormente em Musas retroativas: 17ª em 1955, por Rota Sagrenta; 19ª em 1956, por Palavras ao Vento; 5ª em 1957, por Teu Nome É Mulher.

Gene Tierney em "Nunca Me Deixes Ir"

19 – GENE TIERNEY, por Como Agarrar um Milionário

Jennifer Jones em "O Diabo Riu por Último" Jennifer Jones em "Quando a Mulher Erra"

20 – JENNIFER JONES, por O Diabo Riu por Último e por Quando a Mulher Erra

Posteriormente em Musas retroativas: 7ª em 1955, por Suplício de uma Saudade; 14ª em 1957, por Adeus às Armas.

 


LEIA MAIS:

Musas de 1952 <<
>> Musas de 1954

01 - Grace Kelly-b

00f/43/koal/14838/07

MBDCOGI EC003

Grace Kelly In Green Fire

1 – GRACE KELLY, por Janela Indiscreta, por Disque M para Matar, por Amar É Sofrer e por Tentação Verde

Anteriormente em Musas retroativas: 2ª em 1952, por Matar ou Morrer; 8ª em 1953, por Mogambo. Posteriormente em Musas retroativas: 2ª em 1955, por Ladrão de Casaca; 2ª em 1956, por Alta Sociedade e por O Cisne.

A década de 1950 é, provavelmente, o período de maiores “clássicos” (clássicos no sentido de um Fla x Flu) entre as musas retroativas. Até agora, contando do fim para o começo, anualmente as favoritas são as mesmas e potencializadas pela máquina de glamour de Hollywood funcionando a plena potência. Audrey Hepburn, Marilyn Monroe e Elizabeth Taylor estão quase sempre nos primeiros lugares, se alternando no topo. E Grace Kelly, que abandonou o cinema em 1956, também. Foi vice em na nossa lista em 1955 e 1956 e campeã este ano, emplacando quatro filmes, sendo dois de Hitchcock – e um deles é Janela Indiscreta, com aquela entrada em cena. Audrey foi a vice com a transformação de sua personagem em Sabrina. E nem foi um dos melhores anos de Marilyn, mas Marilyn é Marilyn e ela só precisava de uma cena para ser inesquecível, como mostra em “After you get what you want, you don’t want it”, de O Mundo da Fantasia. Primeira aparição: Dorothy Dandrige, Eva Marie Saint, Sophia Loren, Silvana Mangano. Última aparição: Alida Valli. Única aparição: Sarita Montiel, Vera-Ellen, Virginia Gibson, Jane Powell, Eliana. Brasileiras na lista: Eliana.

Audrey Hepburn em "Sabrina"

2 – AUDREY HEPBURN, por Sabrina

Anteriormente em Musas retroativas1ª em 1953, por A Princesa e o PlebeuPosteriormente em Musas retroativas: 7ª em 1956, por Guerra e Paz; 2ª em 1957, por Cinderela em Paris e por Amor na Tarde; 10ª em 1959, por Uma Cruz à Beira do Abismo e por A Flor que Não Morreu; 12ª em 1960, por O Passado Não Perdoa; 1ª em 1961, por Bonequinha de Luxo e por Infâmia; 7ª em 1963, por Charada; 9ª em 1964, por My Fair Lady e por Quando Paris Alucina; 3ª, em 1966, por Como Roubar um Milhão de Dólares; 8ª em 1967, por Um Caminho para Dois e por Um Clarão nas Trevas; 16ª em 1976, por Robin e Marian.

Marilyn Monroe em "O Mundo da Fantasia" Marilyn Monroe em "O Rio das Almas Perdidas"

3 – MARILYN MONROE, por O Mundo da Fantasia e por O Rio das Almas Perdidas

Anteriormente em Musas retroativas: 4ª em 1952, por O Inventor da Mocidade, por Almas Desesperadas, por Só a Mulher Peca, por Travessuras de Maridos e por Páginas da Vida; 3ª em 1953, por Os Homens Preferem as Louras, por Torrentes de Paixão e por Como Agarrar um MilionárioPosteriormente em Musas retroativas: 1ª em 1955, por O Pecado Mora ao Lado; 4ª em 1956, por Nunca Fui Santa; 3ª em 1957, por O Príncipe e a Corista; 2ª em 1959, por Quanto Mais Quente Melhor; 11ª em 1960, por Adorável Pecadora; 2ª em 1961, por Os Desajustados; 1ª em 1962, por Something’s Got to Give.

Elizabeth Taylor em "No Caminho dos Elefantes" Elizabeth Taylor em "A Última Vez que Vi Paris"

4 – ELIZABETH TAYLOR, por No Caminho dos Elefantes e por A Última Vez que Vi Paris

Anteriormente em Musas retroativas18ª em 1952, por Ivanhoé, o Vingador do ReiPosteriormente em Musas retroativas: 3ª em 1956, por Assim Caminha a Humanidade; 1ª em 1958, por Gata em Teto de Zinco Quente; 1ª em 1959, por De Repente, no Último Verão; 2ª em 1960, por Disque Butterfield 8; 3ª em 1963, por Cleópatra; 15ª em 1965, por Adeus às Ilusões; 18ª em 1970, por Jogo de Paixões.

Dorothy Dandridge em "Carmen Jones"

5 – DOROTHY DANDRIDGE, por Carmen Jones

Posteriormente em Musas retroativas: 7ª em 1959, por Porgy & Bess.

Cyd Charisse em "A Lenda dos Beijos Perdidos"

6 – CYD CHARISSE, por A Lenda dos Beijos Perdidos

Anteriormente em Musas retroativas1ª em 1952, por Cantando na Chuva; 2ª em 1953, por A Roda da FortunaPosteriormente em Musas retroativas: 5ª em 1955, por Dançando nas Nuvens; 20ª em 1956, por Viva Las Vegas; 1ª em 1957, por Meias de Seda; 5ª em 1958, por A Bela do Bas-Fond.

Ingrid Bergman em "Romance na Itália"

7 – INGRID BERGMAN, por Romance na Itália

Anteriormente em Musas retroativas: 11ª em 1952, por Europa 51Posteriormente em Musas retroativas: 10ª em 1956, por Anastácia, a Princesa Esquecida; 17ª em 1958, por Indiscreta e por A Morada da Sexta Felicidade; 15ª em 1969, por Flor de Cacto.

Alida Valli em "Sedução da Carne"

8 – ALIDA VALLI, por Sedução da Carne

Anteriormente em Musas retroativas: 16ª em 1953, por Nós, as Mulheres.

Sarita Montiel em "Vera Cruz"

9 – SARITA MONTIEL, por Vera Cruz

Ava Gardner em "A Condessa Descalça"

10 – AVA GARDNER, por A Condessa Descalça

Anteriormente em Musas retroativas: 7ª em 1952, por As Neves do Kilimanjaro; 6ª em 1953, por MogamboPosteriormente em Musas retroativas: 16ª em 1957, por E Agora Brilha o Sol; 11ª em 1958, por A Maja Desnuda.

Eva Marie Saint em "Sindicato de Ladrões"

11 – EVA MARIE SAINT, por Sindicado de Ladrões

Posteriormente em Musas retroativas: 3ª em 1959, por Intriga Internacional; 20ª em 1962, por Anjo Violento.

Sophia Loren em "Duas Noites com Cleópatra" Sophia Loren em "A Invasão dos Bárbaros"

12 – SOPHIA LOREN, por Duas Noites com Cleópatra e por A Invasão dos Bárbaros

Posteriormente em Musas retroativas: 11ª em 1957, por A Lenda da Estátua Nua, por Orgulho e Paixão e por A Lenda dos Desaparecidos; 19ª em 1958, por Tentação Morena, por A Orquídea Negra, por Desejo e por A Chave; 4ª em 1960, por Duas Mulheres, por Começou em Nápoles e por The Millionairess; 14ª em 1961, por El Cid; 6ª em 1962, por Boccaccio ’70; 4ª em 1963, por Ontem, Hoje e Amanhã; 8ª em 1964, por Matrimônio à Italiana e por A Queda do Império Romano; 14ª em 1966, por Arabesque; 20ª em 1967, por A Condessa de Hong Kong; 5ª em 1972, por O Homem de La Mancha.

Vera-Ellen em "Natal Branco"

13 – VERA-ELLEN, por Natal Branco

Lana Turner em "Atraiçoado"

14 – LANA TURNER, por Atraiçoado

Anteriormente em Musas retroativas: 3ª em 1952, por Assim Estava Escrito. Posteriormente em Musas retroativas: 3ª em 1952, por Assim Estava Escrito; 8ª em 1955, por O Filho Pródigo e por Mares Violentos; 18ª em 1957, por A Caldeira do Diabo; 15ª em 1959, por Imitação da Vida.

Jean Simmons em "Desirée, o Amor de Napoleão"

15 – JEAN SIMMONS, por Desirée, o Amor de Napoleão

Anteriormente em Musas retroativas: 12ª em 1953, por O Manto Sagrado, por Papai Não Quer e por A Rainha Virgem. Posteriormente em Musas retroativas8ª em 1958, por Da Terra Nascem os Homens; 7ª em 1960, por Spartacus e por Entre Deus e o Pecado.

Silvana Mangano em "Ulisses"

16 – SILVANA MAGANO, por Ulisses

Posteriormente em Musas retroativas: 19ª em 1962, por Barrabás.

Virginia Gibson em "Sete Noivas para Sete Irmãos"

17 – VIRGINIA GIBSON, por Sete Noivas para Sete Irmãos

Jane Powell em "Sete Noivas para Sete Irmãos"

Jane Powell em “Sete Noivas para Sete Irmãos”

18 – JANE POWELL, por Sete Noivas para Sete Irmãos

Eliana em "Nem Sansão nem Dalila"

19 – ELIANA, por Nem Sansão nem Dalila

Eleanor Parker em "A Selva Nua" Eleanor Parker em "O Vale dos Reis"

20 – ELEANOR PARKER, por A Selva Nua e por O Vale dos Reis

Anteriormente em Musas retroativas8ª em 1952, por ScaramouchePosteriormente em Musas retroativas: 15ª em 1956, por O Homem do Braço de Ouro.

 


LEIA MAIS:

Musas de 1953 <<
>> Musas de 1955

1 - Cyd Charisse ("Meias de Seda")

1 – CYD CHARISSE, por Meias de Seda

Anteriormente em Musas retroativas: 1ª em 1952, por Cantando na Chuva; 2ª em 1953, por A Roda da Fortuna6ª em 1954, por A Lenda dos Beijos Perdidos; 5ª em 1955, por Dançando nas Nuvens; 20ª em 1956, por Viva Las Vegas. Posteriormente em Musas retroativas: 5ª em 1958, por A Bela do Bas-Fond.

A comunistíssima Ninotchka despreza os prazeres capitalistas, até sentir ser seduzida por umas meias de seda. E aí, Ninotchka se revela Cyd Charisse, as melhores pernas que o cinema já teve (pela beleza e pelo uso em números de dança maravilhosos). E a vitória dessa estrela dos musicais é valorizada por suas acompanhantes no pódio: a funny face Audrey Hepburn, em dois filmes “apenas” de Billy Wilder e Stanley Donen – e em um deles também dançando – e Marilyn Monroe na Inglaterra. Hollywood dominou o ano: a primeira musa em filme europeu aparece em sexto, cortesia de Ingmar Bergman. Sophia Loren marca presença com três filmes. Primeira aparição: Bibi Andersson, Joanne Woodward, Jean Seberg. Última aparição: Jennifer Jones, Marlene Dietrich, Lauren Bacall. Única aparição: Ingrid Thulin, Mitzi Gaynor, Terry MooreBrasileiras na lista: nenhuma.

2 - Audrey Hepburn ("Amor na Tarde" e...) 2 - Audrey Hepburn (...também por "Cinderela em Paris")

2 – AUDREY HEPBURN, por Amor na Tarde e por Cinderela em Paris

Anteriormente em Musas retroativas: 1ª em 1953, por A Princesa e o Plebeu2ª em 1954, por Sabrina; 7ª em 1956, por Guerra e Paz. Posteriormente em Musas retroativas: 10ª em 1959, por Uma Cruz à Beira do Abismo e por A Flor que Não Morreu; 12ª em 1960, por O Passado Não Perdoa; 1ª em 1961, por Bonequinha de Luxo e por Infâmia; 7ª em 1963, por Charada; 9ª em 1964, por My Fair Lady e por Quando Paris Alucina; 3ª, em 1966, por Como Roubar um Milhão de Dólares; 8ª em 1967, por Um Caminho para Dois e por Um Clarão nas Trevas; 16ª em 1976, por Robin e Marian.

3 - Marilyn Monroe ("O Príncipe e a Corista")

3 – MARILYN MONROE, por O Príncipe e a Corista

Anteriormente em Musas retroativas: 4ª em 1952, por O Inventor da Mocidade, por Almas Desesperadas, por Só a Mulher Peca, por Travessuras de Maridos e por Páginas da Vida; 3ª em 1953, por Os Homens Preferem as Louras, por Torrentes de Paixão e por Como Agarrar um Milionário; 3ª em 1954, por O Mundo da Fantasia e por O Rio das Almas Perdidas; 1ª em 1955, por O Pecado Mora ao Lado; 4ª em 1956, por Nunca Fui Santa. Posteriormente em Musas retroativas: 2ª em 1959, por Quanto Mais Quente Melhor; 8ª em 1960, por Adorável Pecadora; 2ª em 1961, por Os Desajustados; 1ª em 1962, por Something’s Got to Give.

4 - Kim Novak ("Meus Dois Carinhos")

4 – KIM NOVAK, por Meus Dois Carinhos

Anteriormente em Musas retroativas: 4ª em 1955, por Férias de Amor; 8ª em 1956, por O Homem do Braço de Ouro e por Melodia Imortal. Posteriormente em Musas retroativas: 2ª em 1958, por Um Corpo que Cai; 18ª em 1960, por O Nono Mandamento; 15ª em 1964, por Beija-me, Idiota e por Servidão Humana.

5 - Lauren Bacall ("Teu Nome É Mulher")

5 – LAUREN BACALL, por Teu Nome É Mulher

Anteriormente em Musas retroativas: 18ª em Como Agarrar um Milionário17ª em 1955, por Rota Sagrenta; 19ª em 1956, por Palavras ao Vento.

6 - Bibi Andersson ("O Sétimo Selo" e...) 6 - Bibi Andersson (...também por "Morangos Silvestres")

6 – BIBI ANDERSSON, por O Sétimo Selo e por Morangos Silvestres

Posteriormente em Musas retroativas9ª em 1966, por Persona – Quando Duas Mulheres Pecam.

7 - Doris Day ("Um Pijama para Dois")

7 – DORIS DAY, por Um Pijama para Dois

Anteriormente em Musas retroativas: 3ª em 1955, por Ama-me ou Esquece-me; 12ª em 1956, por O Homem que Sabia DemaisPosteriormente em Musas retroativas: 15ª em 1958, por Um Amor de Professora e por O Túnel do Amor; 9ª em 1959, por Confidências à Meia-Noite e por A Viuvinha Indomável; 18ª em 1961, por Volta, Meu Amor.

08-Joanne Woodward

8 – JOANNE WOODWARD, por As Três Máscaras de Eva

Posteriormente em Musas retroativas19º em 1959, por The Fugitive Kind; 20ª em 1961, por Paris Vive à Noite; 18ª em 1968, por Rachel, Rachel.

9 - Vera Miles ("O Homem Errado")

9 – VERA MILES, por O Homem Errado

Anteriormente em Musas retroativas: 14ª em 1956, por Rastros de Ódio. Posteriormente em Musas retroativas: 11ª em 1962, por O Homem que Matou o Facínora.

10 - Deborah Kerr ("Tarde Demais para Esquecer" e...) 10 - Deborah Kerr (... também por "O Céu É Testemunha")

10 – DEBORAH KERR, por Tarde Demais para Esquecer e por O Céu É Testemunha

Anteriormente em Musas retroativas: 5ª em 1953, por A um Passo da Eternidade15ª em 1955, por Pelo Amor de Meu Amor; 18ª em 1956, por O Rei e Eu e por Chá e SimpatiaPosteriormente em Musas retroativas: 17ª em 1959, por Crepúsculo Vermelho.

11 - Sophia Loren ("A Lenda da Estátua Nua" e...) 11 - Sophia Loren "...também por "Orgulho e Paixão"...) 11 - Sophia Loren (...e por "A Lenda dos Desaparecidos")

11 – SOPHIA LOREN, por A Lenda da Estátua Nua, por Orgulho e Paixão e por A Lenda dos Desaparecidos

Anteriormente em Musas retroativas12ª em 1954, por Duas Noites com Cleópatra e por A Invasão dos Bárbaros. Posteriormente em Musas retroativas: 19ª em 1958, por Tentação Morena, por A Orquídea Negra, por Desejo e por A Chave; 4ª em 1960, por Duas Mulheres, por Começou em Nápoles e por The Millionairess; 14ª em 1961, por El Cid; 6ª em 1962, por Boccaccio ’70; 4ª em 1963, por Ontem, Hoje e Amanhã; 8ª em 1964, por Matrimônio à Italiana e por A Queda do Império Romano; 14ª em 1966, por Arabesque; 20ª em 1967, por A Condessa de Hong Kong; 5ª em 1972, por O Homem de La Mancha.

12 - Ingrid Thulin ("Morangos Silvestres")

12 – INGRID THULIN, por Morangos Silvestres

13 - Mitzi Gaynor ("Les Girls" e...) 13 - Mitzi Gaynor (...também por "Chorei por Você")

13 – MITZI GAYNOR, por Les Girls e por Chorei por Você

14 - Jennifer Jones ("Adeus às Armas")

14 – JENNIFER JONES, por Adeus às Armas

Anteriormente em Musas retroativas: 20ª em 1953, por O Diabo Riu por Último e por Quando a Mulher Erra; 7ª em 1955, por Suplício de uma Saudade.

15 - Romy Schneider ("Sissi e Seu Destino")

15 – ROMY SCHNEIDER, por Sissi e Seu Destino

Anteriormente em Musas retroativas18ª em 1955, por SissiPosteriormente em Musas retroativas: 15ª em 1962, por Boccaccio ’70; 16ª em 1965, por O que É que Há, Gatinha?.; 11ª em 1972, por Ludwig, o Último Rei da Bavária.

16 - Ava Gardner ("E Agora Brilha o Sol")

16 – AVA GARDNER, por E Agora Brilha o Sol

Anteriormente em Musas retroativas7ª em 1952, por As Neves do Kilimanjaro; 6ª em 1953, por Mogambo; 10ª em 1954, por A Condessa Descalça. Posteriormente em Musas retroativas: 11ª em 1958, por A Maja Desnuda.

17 - Marlene Dietrich ("Testemunha de Acusação")

17 – MARLENE DIETRICH, por Testemunha de Acusação

Anteriormente em Musas retroativas: 19ª em 1952, por O Diabo Feito Mulher.

18 - Lana Turner ("A Caldeira do Diabo")

18 – LANA TURNER, por A Caldeira do Diabo

Anteriormente em Musas retroativas: 3ª em 1952, por Assim Estava Escrito; 14ª em 1954, por Atraiçoado; 8ª em 1955, por O Filho Pródigo e por Mares ViolentosPosteriormente em Musas retroativas: 15ª em 1959, por Imitação da Vida.

19 - Jean Seberg ("Santa Joana")

19 – JEAN SEBERG, por Santa Joana

Posteriormente em Musas retroativas: 13ª em 1958, por Bom Dia, Tristeza; 3ª em 1960, por Acossado.

20 - Terry Moore ("A Caldeira do Diabo")

20 – TERRY MOORE, por A Caldeira do Diabo

 


LEIA MAIS:

Musas de 1956 <<
>> Musas de 1958

1 - Elizabeth Taylor ("Gata em Teto de Zinco Quente")

1 – ELIZABETH TAYLOR, por Gata em Teto de Zinco Quente

Anteriormente em Musas retroativas: 18ª em 1952, por Ivanhoé, o Vingador do Rei; 4ª em 1954, por No Caminho dos Elefantes e por A Última Vez que Vi Paris; 3ª em 1956, por Assim Caminha a Humanidade. Posteriormente em Musas retroativas: 1ª em 1959, por De Repente, no Último Verão; 2ª em 1960, por Disque Butterfield 8; 3ª em 1963, por Cleópatra; 15ª em 1965, por Adeus às Ilusões;  18ª em 1970, por Jogo de Paixões.

Ela queria, Paul Newman não estava muito a fim. Ronronando através de Gata em Teto de Zinco Quente, Liz Taylor era tensão sexual em uma época na qual Hollywood tentava abafar qualquer chamazinha do tipo. Como Maggie, a gata, Liz era um incêndio só. Ela conseguiu o difícil feito de alcançar duas vezes o primeiro lugar e ser a única a consegui-lo em dois anos seguidos. E foi um ano e tanto. Kim Novak foi loura de Hitchcock no enigmático papel duplo de Um Corpo que Cai, Bardot sempre sedutora e com pouca roupa em dois filmes, Jeanne Moreau na antológica cena de sexo de Os Amantes, e Sophia Loren, sempre produtiva, comparecendo com quatro filmes. Primeira aparição: Jeanne Moreau, Janet Leigh, Maria Schell, Sylva Koscina. Última aparição: Cyd Charisse, Ava Gardner, Julie London, Leslie CaronBrasileiras na lista: nenhuma.

2 - Kim Novak ("Um Corpo que Cai" e...) 2 - Kim Novak (...também por "Sortilégio do Amor")

2 – KIM NOVAK, por Um Corpo que Cai e por Sortilégio do Amor

Anteriormente em Musas retroativas: 4ª em 1955, por Férias de Amor; 8ª em 1956, por O Homem do Braço de Ouro e por Melodia Imortal; 4ª em 1957, por Meus Dois CarinhosPosteriormente em Musas retroativas: 18ª em 1960, por O Nono Mandamento; 15ª em 1964, por Beija-me, Idiota e por Servidão Humana.

2 - Brigitte Bardot ("Amar É Minha Profissão" e...) 2 - Brigitte Bardot (...também por "Vingança de Mulher")

3 – BRIGITTE BARDOT, por Amar É Minha Profissão e por Vingança de Mulher

Anteriormente em Musas retroativas: 15ª em 1952, por Manina; 1ª em 1956, por E Deus Criou a Mulher. Posteriormente em Musas retroativas: 5ª em 1960, por A Verdade; 2ª em 1963, por O Desprezo; 6ª em 1965, por Viva Maria!; 11ª em 1968, por Shalako; 10ª em 1973, por Se Don Juan Fosse Mulher.

4 - Jeanne Moreau ("Os Amantes" e...) 4 - Jeanne Moreau (...também por Ascensor para o Cadafalso")

4 – JEANNE MOREAU, por Os Amantes e por Ascensor para o Cadafalso

Posteriormente em Musas retroativas: 13ª em 1959, por As Ligações Perigosas; 8ª em 1961, por A Noite; 4ª em 1962, por Jules e Jim – Uma Mulher para Dois; 18ª em 1964, por Diário de uma Camareira; 10ª em 1965, por Viva Maria! e por Falstaff – O Toque da Meia-Noite.

04-Cyd Charisse

5 – CYD CHARISSE, por A Bela do Bas-Fond

Anteriormente em Musas retroativas: 1ª em 1952, por Cantando na Chuva; 2ª em 1953, por A Roda da Fortuna; 6ª em 1954, por A Lenda dos Beijos Perdidos; 5ª em 1955, por Dançando nas Nuvens; 20ª em 1956, por Viva Las Vegas; 1ª em 1957, por Meias de Seda.

7 - Janet Leigh ("A Marca da Maldade")

6 – JANET LEIGH, por A Marca da Maldade

Anteriormente em Musas retroativas17ª em 1952, por Scaramouche; 11ª em 1953, por O Preço de um Homem, por Que Delícia o Amor e por Houdini, o Homem MiraculosoPosteriormente em Musas retroativas11ª em 1960, por Psicose.

7 - Leslie Caron ("Gigi")

7 – LESLIE CARON, por Gigi

Anteriormente em Musas retroativas: 20ª em 1955, por Papai Pernilongo e por O Sapatinho de Cristal.

8 - Jean Simmons ("Da Terra Nascem os Homens")

8 – JEAN SIMMONS, por Da Terra Nascem os Homens

Anteriormente em Musas retroativas: 12ª em 1953, por O Manto Sagrado, por Papai Não Quer e por A Rainha Virgem; 15ª em 1954, por Desirée, o Amor de NapoleãoPosteriormente em Musas retroativas7ª em 1960, por Spartacus e por Entre Deus e o Pecado.

8 - Julie London ("O Homem do Oeste")

9 – JULIE LONDON, por O Homem do Oeste

Anteriormente em Musas retroativas: 9ª em 1956, por Sabes o que Quero.

10 - Natalie Wood ("Até o Último Alento")

10 – NATALIE WOOD, por Até o Último Alento

Anteriormente em Musas retroativas6ª em 1955, por Juventude TransviadaPosteriormente em Musas retroativas: 3ª em 1961, por Clamor do Sexo e por Amor, Sublime Amor; 10ª em 1962, por Em Busca de um Sonho; 3ª em 1964, por Médica, Bonita e Solteira;4ª em 1965, por A Corrida do Século; 13ª em 1966, por Esta Mulher É Proibida; 3ª em 1969, por Bob & Carol & Ted & Alice.

9 - Ava Gardner ("A Maja Desnuda")

11 – AVA GARDNER, por A Maja Desnuda

Anteriormente em Musas retroativas: 7ª em 1952, por As Neves do Kilimanjaro; 6ª em 1953, por Mogambo; 10ª em 1954, por A Condessa Descalça; 16ª em 1957, por E Agora Brilha o Sol.

10-Maria Schell

12 – MARIA SCHELL, por Os Irmãos Karamazov

Posteriormente em Musas retroativas: 20ª em 1959, por A Árvore dos Enforcados.

11 - Jean Seberg ("Bom Dia, Tristeza")

13 – JEAN SEBERG, por Bom Dia, Tristeza

Anteriormente em Musas retroativas: 19ª em 1957, por Santa JoanaPosteriormente em Musas retroativas: 3ª em 1960, por Acossado.

12 - Pier Angeli ("Viva o Palhaço!")

14 – PIER ANGELI, por Viva o Palhaço!

Anteriormente em Musas retroativas16ª em 1956, por Marcado pela SarjetaPosteriormente em Musas retroativas: 13ª em 1962, por Sodoma e Gomorra.

13 - Doris Day ("Um Amor de Professora" e...) 13 - Doris Day (...também por "O Túnel do Amor")

15 – DORIS DAY, por Um Amor de Professora e por O Túnel do Amor

Anteriormente em Musas retroativas: 3ª em 1955, por Ama-me ou Esquece-me; 12ª em 1956, por O Homem que Sabia Demais; 7ª em 1957, por Um Pijama para DoisPosteriormente em Musas retroativas: 9ª em 1959, por Confidências à Meia-Noite e por A Viuvinha Indomável; 18ª em 1961, por Volta, Meu Amor.

16 - Carroll Baker ("Da Terra Nascem os Homens")

16 – CARROLL BAKER, por Da Terra Nascem os Homens

Anteriormente em Musas retroativas: 5ª em 1956, por Boneca de Carne e por Assim Caminha a Humanidade. Posteriormente em Musas retroativas: 8ª em 1965, por Harlow, a Vênus Platinada.

18 - Ingrid Bergman ("Indiscreta" e...) 18 - Ingrid Bergman (...também por "A Morada da Sexta Felicidade")

17 – INGRID BERGMAN, por Indiscreta e por A Morada da Sexta Felicidade

Anteriormente em Musas retroativas: 11ª em 1952, por Europa 51; 7ª em 1954, por Romance na Itália; 10ª em 1956, por Anastácia, a Princesa Esquecida. Posteriormente em Musas retroativas: 15ª em 1969, por Flor de Cacto.

19 - Shirley MacLaine ("Deus Sabe Quanto Amei e...) 19 - Shirley MacLaine (...também por "Irresistível Forasteiro"...) 19 - Shirley MacLaine (...e por "A Mercadora da Felicidade")

18 – SHIRLEY MACLAINE, por Deus Sabe Quanto Amei, por Irresistível Forasteiro e por A Mercadora da Felicidade

Anteriormente em Musas retroativas: 11ª em 1955, por O Terceiro Tiro e por Artistas e Modelos; 11ª em 1956, por A Volta ao Mundo em 80 DiasPosteriormente em Musas retroativas: 9ª em 1960, por Se Meu Apartamento Falasse e por Can Can; 12ª em 1961, por Infâmia; 11ª em 1963, por Irma la Douce; 10ª em 1969, por Charity, Meu Amor; 19ª em 1970, por Os Abutres Têm Fome.

20 - Sophia Loren ("Tantação Morena" e...) 20 - Sophia Loren (...e também por "A Orquídea Negra"...) 20 - Sophia Loren (...por "Desejo"...) 20 - Sophia Loren (...e por "A Chave")

19 – SOPHIA LOREN, por Tentação Morena, por A Orquídea Negra, por Desejo e por A Chave

Anteriormente em Musas retroativas: 12ª em 1954, por Duas Noites com Cleópatra e por A Invasão dos Bárbaros; 11ª em 1957, por A Lenda da Estátua Nua, por Orgulho e Paixão e por A Lenda dos DesaparecidosPosteriormente em Musas retroativas: 4ª em 1960, por Duas Mulheres, por Começou em Nápoles e por The Millionairess; 14ª em 1961, por El Cid; 6ª em 1962, por Boccaccio ’70; 4ª em 1963, por Ontem, Hoje e Amanhã; 8ª em 1964, por Matrimônio à Italiana e por A Queda do Império Romano; 14ª em 1966, por Arabesque; 20ª em 1967, por A Condessa de Hong Kong; 5ª em 1972, por O Homem de La Mancha.

20 - Sylva Koscina ("As Façanhas de Hércules")

20 – SYLVA KOSCINA, por As Façanhas de Hércules

Posteriormente em Musas retroativas20ª em 1965, por Julieta dos Espíritos.

 


LEIA MAIS:

Musas de 1957 <<
>> Musas de 1959

Sigam-me os bons (no Twitter)

julho 2019
D S T Q Q S S
« jun    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  

Cenas da Vida

Páginas

Estatísticas

  • 1.332.312 hits
Anúncios